Decoração da Porcelana

conheça o Processo Industrial
1. Decoração nas Porcelanas

A decoração da porcelana é feita de duas formas:
com a aplicação de decalques e a de filetes.

Algumas peças recebem os dois processos em uma mesma operação.

Ainda há também o processo de decoração de porcelana totalmente feito com pintura manual
Mas como este procedimento demanda muitos artesãos qualificados, e maior tempo de execução, não é mais praticado em larga escala, exceto por algumas poucas fábricas, que tem na decoração manual o seu diferencial.

2. Decalques:
Os decalques são adesivos que são aplicados nas peças com o máximo de cuidado. Após ser colocado na posição correta, passa-se uma borracha para fixá-lo.

Os filetes são aplicados com dois tipos de pincéis: a trincha (pincel largo e sem ponta) e o pincel fino (de ponta fina e delicada). As peças são colocadas em um torno para que possam girar livremente, assim a mão do filetador pode ficar apoiada e fixa evitando falha no filete.

Após a decoração, as peças passam pelo controle de qualidade e a seguir sofrem a segunda queima para fixação do decalque e / ou filete.

Atualmente em algumas decorações e filete já está no decalque (adesivo), reduzindo assim o processo em apenas uma queima.

Após as queimas a porcelana é lixada para retirar algum resíduo do decalque.

Após esta operação a mercadoria já pode ser embalada e comercializada.

3. Tipos de Queima:
O processo de aplicação do decalque na porcelana pode ter dois tipos de queima: uma chamada "sobre esmalte", onde a peça é levada ao forno numa temperatura de aproximadamente 800º C.

O outro tipo, que é uma tecnologia chamada "fogo forte", ou seja, a peça é queimada a uma temperatura de aproximadamente 1200º C, sendo que com este tipo de queima o decalque se funde com o esmalte que a porcelana tem na superfície, garantindo que a decoração nunca sofra desgaste.

4. Origem da porcelana:

Porcelana (do Italiano porcellana ) é uma variedade de cerâmica dura e resistente, branca, as vezes translúcida, que é preparada a partir de uma mistura triaxial de caulim, feldspato e quartzo.

Todas as evidências apontam para o surgimento da porcelana na China da época "Teng" que teve na época "Song" a sua mais refinada produção com o afinamento da massa, elegância de formas e introdução de novos vernizes, culminando, na época "Ming" com expansão e desenvolvimento até o século XIX.

De lá se difundindo, por volta do século XVI, a porcelana obteve grande desenvolvimento na Coréia e no Japão de onde foi abundantemente importada sendo reconhecida pelo nome do porto de Imari que escoava a produção da zona de Arita e Kutani.

Desde o século XVI, graças às importações pelas Companhias das Indias, a produção européia se limitou a copiar toscamente a porcelana oriental, como a produção de Florença, até quando, no fim do século XVII, iniciou-se a produção francesa em Rouen e Saint-Cloud que acarretou em 1725 na manufatura Chantily e em 1738 na manufatura Vincennes depois transformada em manufatura real em Sévres.

Desde aí, as técnicas se aprimoram na Inglaterra,Espanha e especialmente Alemanha, e, com a prospecção e seleção de novas jazidas de caulim, no final do século XVIII chegava à equiparar-se à qualidade da produção oriental.

Conta-se que Luiz XVI, o último monarca da França, fiel ao hábito de seus predecessores, sempre presenteava os dignatários de outros países com porcelanas de Sévres e tapeçarias de Gobelin que no fundo se constituia em propaganda da excelência destes produtos.


Destaque as fotos e passos e
Dúvidas ou Comentários sobre: Decoração da Porcelana
sem comentários até agora, inclua o seu !!!
Criar Comentário ou Pergunta
Novidades na Coleção de Vídeos (ver tudo)
Artesanatos
Craquele
Bandeja Espelhada
Bandeja Espelhada
Aulas de Pinturas
Pinturas em Tela, Papel
Telas com esponja
Telas com esponja
Artesanatos
Kirigami
Pássaro
Pássaro
Decorações
Decorar Ambientes
Decorar gastando pouco
Decorar gastando pouco